Dicas para elaborar um bom Report

Report é um termo em inglês que traduzido para o português é relatório. A nomenclatura em inglês é muito utilizada nas corporações.

O Report é um relatório que consolida todas as informações do negócio e tem como objetivo dar suporte e direção à tomada de decisão.

Normalmente ele é apresentado em reuniões de diretoria, times ou ainda em conselhos.

A periodicidade do Report pode ser definida pela empresa ao que melhor se adaptar ao seu modelo negócio. Semanal, Quinzenal, Mensal, Trimestral, Anual.

Para o setor do Varejo, um bom Report deve conter informações essenciais como: indicadores de mercado, vendas, estoques, informações econômicas e financeiras em geral e, até mesmo sobre gestão de pessoas. O relatório pode ser estratégico ou operacional. Isso vai depender do público e do assunto que será tratado.

Abaixo, listamos algumas dicas para você elaborar um Report e ter sucesso na sua apresentação:


1. Tenha um Roteiro claro

Antes de começar a construção do seu Report, tenha um roteiro simples e objetivo. Há grande possibilidade de seu relatório virar uma apresentação ou ser encaminhada para outras pessoas. Portanto, saiba que a apresentação não nasce em slides, mas sim de um editor de texto:

a. Defina uma mensagem principal. Ex. Report Unidade São Paulo Junho – 2020

b. Faça uma mensagem de suporte. Ex. Argumentos em favor da mensagem principal.

c. Estruture seu raciocínio. Lembre-se que é como contar uma história, com início meio e fim.

d. Adequação de Linguagem. Fuja de discursos rebuscados, altamente técnicos. Prefira uma linguagem cotidiana e concisa.

2. Utilize elementos narrativos

a. Você pode se fazer valer por vários elementos narrativos: humor, questionamento, drama, provocativo. Nesse post, tratando-se de um ambiente de negócio, sugerimos utilizar a linguagem corporativa. Ou seja, vá direto ao ponto! Isso porque altos executivos não dispõem de muito tempo para discutir e tomar decisões.

Indo direto ao ponto, mostrando logo a sua conclusão ou ideia principal, o apresentador garante a exposição do que estabeleceu como prioridade. A estratégia é boa. Funciona!

3. Segmente os assuntos e vá para a construção dos slides

a. Separe os assuntos em tópicos para facilitar o entendimento do público.

b. Considerando o conteúdo para cada slide, defina o que fica na tela e o que vai para o discurso. É preferível que os slides sejam concisos e compostos de algumas imagens, palavras-chave ou, no máximo, breves sentenças.

c. Defina uma mensagem principal para cada slide. Eleja uma mensagem principal para cada tela e direcione seus esforços para ilustrá-la da melhor maneira possível. Em slides com muito conteúdo, aumentam as chances da audiência se perder.

d. Esboce a ideia que sustenta o slide. Crie uma imagem que representa a ideia. Durante esse processo, avalie: a) O que você quer que a audiência pense? b) O que pode ser dito e mostrado para que ele pense isso? c) Em que sequência? Primeiro texto, depois imagem, ou vice-versa, ou ambos juntos?

e. Defina os elementos que serão usados no slide. Ao escolher imagens, pense que elas não transmitirão apenas conteúdo, mas também emoções. Ao fazer suas escolhas, questione-se sobre a emoção que pretende despertar na audiência.

f. Por mais que cada slide tenha suas particularidades, todos devem seguir alguns padrões relacionados as fontes, cores e estilos para que a apresentação tenha certa homogeneidade.

g. Adotar um estilo “clean” em slides é uma tendência muito defendida pelos criadores de Report em suas apresentações. Montar um Report clean para despertar interesse e manter a atenção da audiência;

h. Imprescindível checar se as informações estão atualizadas. Não vai adiantar de nada, um Report com ótimo visual, mas com informações desatualizadas ou incorretas.

i. Anexos são importantes para buscar alguma informação detalhada sobre temas tratados. Lembre-se, uma apresentação bem feita não toma tempo nos “detalhes” que posteriormente poderão ser visualizados com mais tempo nos anexos.

Treine, treine, treine muito!!!


Quanto mais completo, bem estruturado e alinhado com o perfil do apresentador estiver seu Report, mais eficiente será a mensagem e mais confiança irá inspirar na audiência.

A 4Business te ajuda a construir e elaborar essas informações de maneira clara e estratégica.


Nossas estratégias são elaboradas de forma personalizada para seu negócio. Fale conosco!


Antonio Carlos de Camargo Junior é Economista, tem 38 anos. É proprietário da 4Business Consultoria e presta serviços como consultor em gestão empresarial em todo o Brasil.



1,350 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo