Fica de olho 👀. 3 orçamentos que não podem faltar na gestão da sua Franquia!



Você já ouviu falar na frase? “Quem não tem caminho não sabe pra onde ir”, pois bem, é sobre isso que queremos falar com você nesse texto, franqueado!


O principal objetivo desses 3 tipos de orçamento é estabelecer metas e objetivos, dando a empresa a possibilidade de acompanhar e comparar resultados. E falando em tempos atuais, com o cenário de pandemia, notou-se um grande o aumento de número de promoções, diferentes canais de comercialização e concorrência, então o orçamento virou livro de mesa dos empreendedores!


Então, conheça os 3 orçamentos que são fundamentais na gestão da sua franquia:

1 - ORÇAMENTO EMPRESARIAL - DRE


Um importante aliado dentro de uma empresa e nada mais é do que o ato de planejar e estimar as receitas, custos, despesas. Para isso, usamos a Demonstração de Resultado do Exercício, conhecida como DRE.

O orçamento através da DRE gera para empresa uma possibilidade de avaliação mensal o resultado econômico do negócio, por Unidade de negócio, Pdv ou ainda centro de Custo. Seu conceito e formato são úteis desde a construção do orçamento anual e suas revisões mensais comparando os resultados planejados em orçamento versus o que foi efetivamente realizado no mês corrente.

Para que você consiga dar os primeiros passos é necessário um levantamento mínimo de informações: Projeção de Vendas, custos, despesas. Depois basicamente colocar em um formato padrão (na contabilidade é dado o nome de Plano de contas). Defina as regras da empresa: quanto pretende crescer, qual é a margem, qual o lucro (Ebitda) desejado. Assim ficará fácil de guiá-lo nas decisões. A maneira mais fácil de fazer um orçamento é olhar para o passado (últimos 3 anos de negócio), considerando as mudanças estruturais e evitando assim desvios grandes.

2 - ORÇAMENTO DE FLUXO DE CAIXA - DFC

A grande maioria já conhece um orçamento de Receita, Custos e Despesas. Que é o mais tradicional e usual nas empresas, feito através da DRE.

Porém muitas esquecem da regra básica de qualquer negócio:

Gerar Liquidez e Rentabilidade! Em outras palavras, Fluxo de Caixa e Lucro!


As empresas não costumam ter um orçamento de Fluxo de Caixa. Elas apenas seguem uma projeção (muitas vezes míope e de curto prazo pois seguem o que está no ERP). A Facilidade de ter um ERP ou um sistema de gestão financeira ajuda na organização e planejamento de uma empresa, mas pode deixar seu Financeiro no “Piloto Automático”. Isso porque os profissionais têm uma tendência a achar que o sistema faz a análise. Mas não! Ele processa dados e te mostra dados.

Num orçamento de Fluxo de Caixa, não esqueça:

  1. Ter uma premissa de geração de caixa positiva (entrar mais dinheiro do que sair na operação).

  2. Avaliar os recursos destinados aos investimentos e suas saídas.

  3. Não esquecer de Planejar saídas não operacionais (empréstimos, retiradas de sócios).

Em resumo, uma empresa precisa ter liquidez, ou seja, dinheiro suficiente para cobrir todas suas obrigações. E novamente, acompanhar semanalmente e mensalmente esse orçamento (projetado x realizado).

3 - ORÇAMENTO DE COMPRAS

Você tem um orçamento de compras ?! Não?! Se não tem, preste atenção nisso!

Afinal muitas vezes a maior parte do caixa vai para Franqueadora, seja pelas compras ou taxas de royalties.

Ter um orçamento de Compras que avalie o estoque mínimo e do estoque variável facilita a gestão de estoques e vai ajudar no Equilíbrio entre disponibilidade Financeira vs. Estoque Saudável (reduzir ruptura e não ter excessos). A ideia de unir essas visões – DRE, DFC e Compras tem como principal objetivo Sustentar o negócio de forma Econômica e Financeira.

Se sua empresa não tem essas Ferramentas, existe um bom ditado que traduz essa ausência:

“Tudo que não se mede, está à deriva”. O Ano de 2022 está quase aí, e todos esperamos uma melhora no cenário econômico, mas você franqueado, deve mostrar que seu negócio sabe muito bem para onde está indo, independente de fatores externos. Um bom planejamento pode trazer desde benefícios fiscais, como melhoria de regimes tributários até mesmo lhe assegurar o controle e a tranquilidade que sua empresa busca. Atuando como Consultor pelo Varejo no Brasil, percebo a carência de controles e profissionais que consigam fazer a leitura desses indicadores e direcionar proprietários. Não existe mais espaço para amadorismo, em qualquer negócio independente de seu tamanho. Nós da 4Business queremos que você, franqueado conte conosco para lhe ajudar no crescimento sustentado de sua franquia. Entre em contato com um especialista e faça que seu negócio decole, da maneira correta e planejada.



Entre em contato conosco, clicando aqui








4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo